VOLUNTEER ESCAPES – VOLUNTEER with European Solidarity Corps for Activities in Portugal with Ecological Sense
01 Jan
VOLUNTEER ESCAPES – VOLUNTEER with European Solidarity Corps for Activities in Portugal with Ecological Sense
Partilhar

A Plantar Uma Árvore irá ser uma das entidades responsáveis pela execução do projeto VOLUNTEER ESCAPES – VOLUNTEER with European Solidarity Corps for Activities in Portugal with Ecological Sense, integrada no programa LIFE Preparatory Projects to Support Deployment of European Solidarity Corps, tendo por objetivo capacitar jovens, até aos trinta anos de idade, através de trabalho prático voluntário de gestão da Rede Natura 2000.

 

O projeto assenta numa parceria entre organizações de perfil diversificado, como do sector empresarial e da conservação da natureza e de programas de voluntariado para a conservação da natureza, em que o coração da proposta é a cooperação entre entidades para a capacitação dos voluntários, e, consequentemente, mais oportunidades de trabalho no futuro, ao mesmo tempo a proposta procura ter efeitos reais na gestão de valores naturais, em especial nos que se relacionam com a rede Natura 2000.

 

A P1A irá acolher os voluntários em duas áreas, designadamente na Área da Rede Natura 2000 PTCON0008 SINTRA/CASCAIS, em parceria com a Parques de Sintra-Monte da Lua (PSML), a Câmara Municipal de Sintra (CMS) e o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), e na Área da Rede Natura 2000 PTCON0003 ALVÃO/MARÃO, em parceria com a Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar (CMVPA).

 

Os voluntários podem candidatar-se a ofertas com períodos de voluntariado de 1 mês, 2 meses, três meses ou 6 meses, entre Julho de 2018 e Junho de 2020. Para além desta fase operacional com 2 anos de execução, o projeto é antecedido por 6 meses de trabalhos preparatórios e precedido de 6 meses de avaliação e comunicação.

 

A P1A irá capacitar as equipas de voluntários para executarem as seguintes intervenções: recolha de sementes e propagação em viveiro, controlo de espécies exóticas infestantes e matos, plantação e respetiva manutenção, promoção de regeneração espontânea, recuperação de linhas de água, obras de engenharia natural como paliçadas, charcos e abrigos, numa lógica de gestão de resíduos vegetais no local, proteção e vigilância contra incêndios, monitorização, gestão e manutenção de percursos pedestres, mitigação de impactos de visitação e coordenação de iniciativas de voluntariado com outras tipologias de voluntários.

 

A P1A já geria o maior programa de voluntariado ambiental para a restituição da floresta nativa, passando agora a incorporar uma componente de voluntariado mais profissional e de âmbito Europeu.

VOLUNTEER ESCAPES – VOLUNTEER with European Solidarity Corps for Activities in Portugal with Ecological Sense
Documentos

Volunteer Escapes
Informações e Condições de Admissão de Voluntários