...porque vi que afinal há, como eu, quem se preocupe. Quem não tem medo de sujar-se na terra para que outros possam contemplar a beleza da floresta com diversidade. Acredito que ainda agora começou a caminhada das amizades que estamos a construir. Bem hajam por acreditarem que sonhar ainda é possível.

Área de Formação

Ensino de Desenho

Cidade

Lisboa

Planta Autóctone

Castanheiro (Castanea sativa)

Paisagem Nacional

Parque Nacional da Peneda-­Gerês

Arminda Bernardino